O ET Capado - Alan Cassol
Alan Cassol
Contemporâneo de McQuade, o Lobo solitário, nasci para dar voadora nos dogmas do pensamento binário.
Escrevo para não afugentar os fantasmas incríveis que sobrevoam e espantam as ruínas de uma lasca da minha mente que ainda é adubada com farelinhos de vergonha na cara.
Viajei durante anos nos vagões empoeirados dos beatniks, cortei lenha com Tolstói e Dostoiévski, bebi pinga com Cervantes, fui chofer do Henry Miller, fiz cócegas nos pés da Brontë, e batizei a água do Kafka.
Hoje observo o movimento e saio por aí com um cesto de palha cheio de medalhas para condecorar os responsavéis pelas minhas inspirações.





O ET Capado

Festa no planeta Oranoslob, caparam um habitante indesejado.
Abolo aterrorizava o planeta mais respeitável da Galáxia Charuto.
Abolo foi banido e colocado a bordo de uma pequena cápsula.
Ele planou na eternidade do espaço da absolvição.
Pobre capado, todas as belezas das intensas formações estelares não são capazes de animar a triste viagem.

Um habitante bondoso do planeta Oranoslob salvou Abolo.
A cápsula retornou ao seu planeta de origem.
Todos estão abismados com o retorno do malquisto.
Alguns acreditam na redenção de Abolo.

Sem o instrumento criminoso, nada ele poderia fazer de mal.
Abolo se arrastava nas paredes, ele sabia que precisava expulsar a vontade entranhada.
Abolo mordeu, Abolo rasgou, Abolo chorou, Abolo matou, Abolo triturou.

 

Alan Cassol
O ET Capado

Festa no planeta Oranoslob, caparam um habitante indesejado.
Abolo aterrorizava o planeta mais respeitável da Galáxia Charuto.
Abolo foi banido e colocado a bordo de uma pequena cápsula.
Ele planou na eternidade do espaço da absolvição.
Pobre capado, todas as belezas das intensas formações estelares não são capazes de animar a triste viagem.

Um habitante bondoso do planeta Oranoslob salvou Abolo.
A cápsula retornou ao seu planeta de origem.
Todos estão abismados com o retorno do malquisto.
Alguns acreditam na redenção de Abolo.

Sem o instrumento criminoso, nada ele poderia fazer de mal.
Abolo se arrastava nas paredes, ele sabia que precisava expulsar a vontade entranhada.
Abolo mordeu, Abolo rasgou, Abolo chorou, Abolo matou, Abolo triturou.