Louvor ao orgulho humano - Damnus Vobiscum
Damnus Vobiscum
Damnus Vobiscum é Fred Teixeira, nascido a 04 de novembro de 1974. Mas Fred Teixeira prefere ser Damnus Vobiscum, que é um cara praticamente desconhecido e de nome esquisito, escritor, poeta e tradutor. É uma forma de Fred Teixeira deixar de ser tão somente Fred Teixeira e se particularizar um pouco, o que equivale a dizer que ser Damnus Vobiscum, mesmo que apenas para alguns poucos admiradores (talvez nenhum), dá algum sentido à vida completamente sem graça de Fred Teixeira. E por que mais um escritor, poeta e tradutor adotaria um pseudônimo maluco desses?





Louvor ao orgulho humano

Ah, o orgulho humano…
Sim, é com você mesmo
Seu migalha de torresmo
Enrolado nesse engano.

Com você mesmo que falo
Meu querido semelhante
Enrustido e hesitante
Porco, ovelha e cavalo.

George Orwell estava certo
Copiamos os animais…
São-nos modelos totais
Do mais burro ao mais esperto.

E todo esse seu orgulho
Aos bichos é que é devido
Hesitante e enrustido
Humano resto de entulho.

Do que tanto se orgulha
Seu miolo de galinha?
Sua alma de sardinha
Te transforma em um pulha.

Você, que é um pavão
Exibindo suas penas
Nesse festival de cenas
Que se chama ocasião.

Você, que dentro da toca
É um rei, é um leão
Dominando a situação
Mas lá fora é uma foca.

Páginas: 1 2 3

Damnus Vobiscum
Louvor ao orgulho humano

Ah, o orgulho humano…
Sim, é com você mesmo
Seu migalha de torresmo
Enrolado nesse engano.

Com você mesmo que falo
Meu querido semelhante
Enrustido e hesitante
Porco, ovelha e cavalo.

George Orwell estava certo
Copiamos os animais…
São-nos modelos totais
Do mais burro ao mais esperto.

E todo esse seu orgulho
Aos bichos é que é devido
Hesitante e enrustido
Humano resto de entulho.

Do que tanto se orgulha
Seu miolo de galinha?
Sua alma de sardinha
Te transforma em um pulha.

Você, que é um pavão
Exibindo suas penas
Nesse festival de cenas
Que se chama ocasião.

Você, que dentro da toca
É um rei, é um leão
Dominando a situação
Mas lá fora é uma foca.

Páginas: 1 2 3