Visitas - Diego Scariot
Diego Scariot
Nascido em 21/06/1994, estudante de direito e escritor amador.
Minha paixão pela literatura começou com HQs e fábulas ainda criança. Na adolescência com as lendas urbanas e vídeos de fantasmas na internet que me apaixonei pelo terror.
Publico minhas bizarrices no wattpad. Tenho como inspirações livros de Stephen King, Robin Cook, Lovercraft, Frank De Fellita, entre outros. Filmes de George Romero, John Carpenter, Wes Anderson, Sam Raimi. E em letras de bandas como Misfits, Iron Maiden, Metallica, Black Sabbath.
Também sou viciado em velho oeste e humor negro.
Escrevo pelo amor ao terror e para transmitir esse amor aos outros.





Visitas

Bob estava ajeitando o quintal de seu sítio quando parou um carro e desceu um homem.

“-Senhor, eu acho que me perdi aqui pelo interior e não estou conseguindo fazer o retorno, você poderia me ajudar?”

“-O retorno fica à alguns quilômetros seguindo à oeste, mas já está ficando noite, vai demorar algumas horas até você chegar na cidade mais próxima. Não quer passar a noite aqui? Tenho dois quartos sobrando na casa.”

“Não seria incômodo?”

“Não, não! Faço questão, não quero que nada de ruim lhe ocorra, essas estradas são perigosas à noite.”

“Obrigado pela gentileza, vou falar com a minha esposa no carro.”

Bob olhou para seu cachorro.

“É Spike, acho que arrumei a nossa janta.”

 

Diego Scariot
Visitas

Bob estava ajeitando o quintal de seu sítio quando parou um carro e desceu um homem.

“-Senhor, eu acho que me perdi aqui pelo interior e não estou conseguindo fazer o retorno, você poderia me ajudar?”

“-O retorno fica à alguns quilômetros seguindo à oeste, mas já está ficando noite, vai demorar algumas horas até você chegar na cidade mais próxima. Não quer passar a noite aqui? Tenho dois quartos sobrando na casa.”

“Não seria incômodo?”

“Não, não! Faço questão, não quero que nada de ruim lhe ocorra, essas estradas são perigosas à noite.”

“Obrigado pela gentileza, vou falar com a minha esposa no carro.”

Bob olhou para seu cachorro.

“É Spike, acho que arrumei a nossa janta.”