Maldohorror - Coletivo de escritores fantásticos e malditos.
Fabiano Soares
Formado em jornalismo, detesta jornalismo. Escrito assim em terceira pessoa parece melhor para uma minibiografia. Fabiano tenta se dedicar a muitas coisas, levando-se pela paixão das diversas formas de artes: música, textos, filmes. E é nessa esquizofrenia de interesses, onde tenta dedicar-se um pouco a cada coisa que acaba como um jornalista: sabendo nada de muita coisa. Não sabe fazer música, não sabe escrever textos e não sabe fazer filmes. Mas tenta fazer tudo isso e segue, literalmente, amador. É isso mesmo que ele quer. Apaixonado também por temas sombrios e por uma sombria vontade de avacalhar temas sombrios, não consegue fazer nada sério, portanto, não criem expectativas. Divirtam-se, ou não.
E-mail: fabianocabeludo@yahoo.com.br
Facebook: facebook.com/fabiano. cabeludosoares






Chatsex_023

◦ Morrer virgem você não vai… Aliás, virgindade será uma palavra abolida de qualquer parte do seu corpo…

E não é que o careca manjava dumas frases de efeito sobre putaria?

◦ Aqui você vai trepar com mulheres, às vezes mais de uma ao mesmo tempo…

Enquanto o careca falava e eu ficava animado, ia tentando ver as mulheres nas jaulas, ver quais eram mais gatas. Mas eu não tinha ouvido tudo. Ele continuava a falar.

◦ … mas também trepará com homens, com máquinas, sofrerá e causará algumas mutilações. Tudo isso será gravado e alimentará nosso site SeXXXtremeFuck.com.

Meus olhos abriram-se como os de um lêmuri selvagem. Transar com homens? Mutilação? Minha mente queria parar no “mais de uma ao mesmo tempo”, mas a parte sempre alerta obrigava-me a receber o resto da mensagem.

◦ Aqui você vai descobrir todo o prazer que você perde por puro molde social; perder a inibição de gozar a bissexualidade; libertar-se do medo do masoquismo e aproveitar as delícias do sadismo. Tudo isso, inteiramente de graça!

SeXXXtremeFuck.com. De graça meu cu, literalmente. Sempre tentei baixar vídeos deles, só dava pra ver teasers de trinta segundos. Só bizarrice. Nunca consegui ver os vídeos inteiros. Kazaa, Soulseek, tentei vários programas. Para ver, só com cartão de crédito, a bagatela de US$ 9,99 por mês. Que merda.

E a cada mulher que eu comia, a cada piroca que me estourava o rabo, cada apertão nas bolas que eu recebia, eu só pensava que não tinha prazer naquilo. Até o sexo com duas mulheres era torturante, porque não era com vontade; a maquiagem, os cortes para mudar os takes, as pausas para broncas na atuação. Tudo falso. As mulheres não queriam trepar comigo, eram obrigadas, e isso me tirava o tesão. E a cada vez que eu brochava, os sacanas me tiravam do que, há uns meses antes, seria o paraíso pra mim.

◦ Não quer duas mulheres esfregando a buceta em você? Isso não te excita, poetinha (esse era o meu apelido…)? Então corta que eu já sei…

E me colocavam pra ser fodido por um ou dois homens. Eu sentia meu cu tornar-se uma couve-flor, virar do avesso, mas se eu reclamasse ou parasse a cena, cortavam e mudavam o tipo de vídeo, sempre indo numa escala em direção ao que eu menos gostava: me passavam para ser a estrela de um gangbang masoquista, onde eu era esporrado enquanto alguém me cortava com giletes ou socava minha cara.

Páginas: 1 2 3 4 5 6

Fabiano Soares
Chatsex_023

◦ Morrer virgem você não vai… Aliás, virgindade será uma palavra abolida de qualquer parte do seu corpo…

E não é que o careca manjava dumas frases de efeito sobre putaria?

◦ Aqui você vai trepar com mulheres, às vezes mais de uma ao mesmo tempo…

Enquanto o careca falava e eu ficava animado, ia tentando ver as mulheres nas jaulas, ver quais eram mais gatas. Mas eu não tinha ouvido tudo. Ele continuava a falar.

◦ … mas também trepará com homens, com máquinas, sofrerá e causará algumas mutilações. Tudo isso será gravado e alimentará nosso site SeXXXtremeFuck.com.

Meus olhos abriram-se como os de um lêmuri selvagem. Transar com homens? Mutilação? Minha mente queria parar no “mais de uma ao mesmo tempo”, mas a parte sempre alerta obrigava-me a receber o resto da mensagem.

◦ Aqui você vai descobrir todo o prazer que você perde por puro molde social; perder a inibição de gozar a bissexualidade; libertar-se do medo do masoquismo e aproveitar as delícias do sadismo. Tudo isso, inteiramente de graça!

SeXXXtremeFuck.com. De graça meu cu, literalmente. Sempre tentei baixar vídeos deles, só dava pra ver teasers de trinta segundos. Só bizarrice. Nunca consegui ver os vídeos inteiros. Kazaa, Soulseek, tentei vários programas. Para ver, só com cartão de crédito, a bagatela de US$ 9,99 por mês. Que merda.

E a cada mulher que eu comia, a cada piroca que me estourava o rabo, cada apertão nas bolas que eu recebia, eu só pensava que não tinha prazer naquilo. Até o sexo com duas mulheres era torturante, porque não era com vontade; a maquiagem, os cortes para mudar os takes, as pausas para broncas na atuação. Tudo falso. As mulheres não queriam trepar comigo, eram obrigadas, e isso me tirava o tesão. E a cada vez que eu brochava, os sacanas me tiravam do que, há uns meses antes, seria o paraíso pra mim.

◦ Não quer duas mulheres esfregando a buceta em você? Isso não te excita, poetinha (esse era o meu apelido…)? Então corta que eu já sei…

E me colocavam pra ser fodido por um ou dois homens. Eu sentia meu cu tornar-se uma couve-flor, virar do avesso, mas se eu reclamasse ou parasse a cena, cortavam e mudavam o tipo de vídeo, sempre indo numa escala em direção ao que eu menos gostava: me passavam para ser a estrela de um gangbang masoquista, onde eu era esporrado enquanto alguém me cortava com giletes ou socava minha cara.

Páginas: 1 2 3 4 5 6