1000 histórias - J. A. de Nardo
J. A. de Nardo
João decidiu dar vida aos seus mórbidos pesadelos e compartilhar feitos e devaneios nada memoráveis com o público. 
O medo, o estranho e o cotidiano banal são as suas inspirações para a escrita. Escreve como uma forma de canalizar seus sentimentos, da forma mais clichê possível. 
Se perde em pensamento abstratos e overdoses filosóficas, crê que o horror é um universo a ser explorado, e o pavor é o sentimento mais puro a ser sentido. Se perde também em alguns pseudônimos para poder escrever o que há de mais bizarro em si, não gosta muito de mostrar o rosto para não perturbar os leitores, usa máscaras como referência ao baile de máscaras do plano físico. 
Diretor da Revista Aterrorizante e autor de algumas obras em conjunto e originais nada comuns, sempre terror com doses de perturbação e humor negro.
Sua conquista mais memorável foi um concurso de poesias quando tinha 10 anos, desde então vem colecionando fracassos e insucessos. Muitas vezes confundido com um demônio sem função na terra, transita entre funções aleatórias, como um traficante de inutilidades ou vendedor de ideias natimortas. 
Email: Jaoanm@gmail.com 
Instagram: @joaodenardo






1000 histórias

(Aviso – O texto contém referências a crueldade com animais, abuso sexual e outros tipos de abuso, só prossiga com a leitura se estiver ciente)

Aparentemente existe um livro chamado ‘1000 historinhas de ninar para crianças malcriadas’, e eu estava pensando se alguém o teria para vender, porque eu realmente quero tê-lo em mãos. Eu sempre gostei muito do horror infantil, como Coraline e outras coisas macabras, de início pensei que seria um livro com aquelas velhas histórias de moral para conscientizar crianças a não desobedecer os pais, como aquela do menino e o lobo.

Mas quando ouvi o nome algo me dizia que seria mais macabro que isso, algo suficiente para traumatizar as criancinhas que o tivessem lido. O problema é que esse livro simplesmente não existe em lugar nenhum, procurei por horas online, Amazon, Submarino.. Cheguei até a ir a livrarias locais (PS : Descobri que livrarias ainda existem) Cheguei a contatar uma das maiores livrarias do país para saber se o tinham no estoque, mas não, nenhum sinal nem de que o livro havia sido escrito.

Exceto por um único fórum.
Era um em que eu estava sendo um fantasma por um bom tempo, olhava uma ou outra postagem mas nunca postava, os temas principais eram bizarrices, desde humor negro a vídeos de freak porn, foi lá onde vi as coisas mais estranhas da minha vida.

Ele se chama InHumanityParasita.org

Como eu estava navegando a umas semanas, eu encontrei umas postagens antigas que mencionavam ‘’ 1000 historinhas de ninar para crianças malcriadas’’, onde eu finalmente consegui encontrar alguma coisa sobre o livro que passei horas e horas atrás. Eu poderia resumir mas acho melhor apenas copiar e colar a conversa toda – ela não é tão longa – e espero que alguém possa me ajudar, talvez reconhecer um ou dois usernames.

Páginas: 1 2 3 4 5 6 7

J. A. de Nardo
1000 histórias

(Aviso – O texto contém referências a crueldade com animais, abuso sexual e outros tipos de abuso, só prossiga com a leitura se estiver ciente)

Aparentemente existe um livro chamado ‘1000 historinhas de ninar para crianças malcriadas’, e eu estava pensando se alguém o teria para vender, porque eu realmente quero tê-lo em mãos. Eu sempre gostei muito do horror infantil, como Coraline e outras coisas macabras, de início pensei que seria um livro com aquelas velhas histórias de moral para conscientizar crianças a não desobedecer os pais, como aquela do menino e o lobo.

Mas quando ouvi o nome algo me dizia que seria mais macabro que isso, algo suficiente para traumatizar as criancinhas que o tivessem lido. O problema é que esse livro simplesmente não existe em lugar nenhum, procurei por horas online, Amazon, Submarino.. Cheguei até a ir a livrarias locais (PS : Descobri que livrarias ainda existem) Cheguei a contatar uma das maiores livrarias do país para saber se o tinham no estoque, mas não, nenhum sinal nem de que o livro havia sido escrito.

Exceto por um único fórum.
Era um em que eu estava sendo um fantasma por um bom tempo, olhava uma ou outra postagem mas nunca postava, os temas principais eram bizarrices, desde humor negro a vídeos de freak porn, foi lá onde vi as coisas mais estranhas da minha vida.

Ele se chama InHumanityParasita.org

Como eu estava navegando a umas semanas, eu encontrei umas postagens antigas que mencionavam ‘’ 1000 historinhas de ninar para crianças malcriadas’’, onde eu finalmente consegui encontrar alguma coisa sobre o livro que passei horas e horas atrás. Eu poderia resumir mas acho melhor apenas copiar e colar a conversa toda – ela não é tão longa – e espero que alguém possa me ajudar, talvez reconhecer um ou dois usernames.

Páginas: 1 2 3 4 5 6 7