1000 histórias - J. A. de Nardo
J. A. de Nardo
João decidiu dar vida aos seus mórbidos pesadelos e compartilhar feitos e devaneios nada memoráveis com o público. 
O medo, o estranho e o cotidiano banal são as suas inspirações para a escrita. Escreve como uma forma de canalizar seus sentimentos, da forma mais clichê possível. 
Se perde em pensamento abstratos e overdoses filosóficas, crê que o horror é um universo a ser explorado, e o pavor é o sentimento mais puro a ser sentido. Se perde também em alguns pseudônimos para poder escrever o que há de mais bizarro em si, não gosta muito de mostrar o rosto para não perturbar os leitores, usa máscaras como referência ao baile de máscaras do plano físico. 
Diretor da Revista Aterrorizante e autor de algumas obras em conjunto e originais nada comuns, sempre terror com doses de perturbação e humor negro.
Sua conquista mais memorável foi um concurso de poesias quando tinha 10 anos, desde então vem colecionando fracassos e insucessos. Muitas vezes confundido com um demônio sem função na terra, transita entre funções aleatórias, como um traficante de inutilidades ou vendedor de ideias natimortas. 
Email: Jaoanm@gmail.com 
Instagram: @joaodenardo






1000 histórias

DG1993
HHAHAHAH, eu não consigo imaginar uma criancinha lendo isso, é muito intenso. Lembra daquela, lá pelas 20 e poucos que dá os detalhes exatos de um assassinato familiar?

Na #0593 – Fui criado pelo meu avô,ele sempre foi muito rígido, a única coisa que não era tão rígida era aquilo que ele colocava na minha boca.

MANO, é isso que eu to pensando??? HAHAHAA

Minhas favoritas são as mais non sense e as mais bizarras, quando você para pra pensar como alguém imaginou publicar isso.

#0143 – Ele reclamava ouvir vozes o tempo todo dizendo o que devia fazer, ele achava que algum espírito estava o manipulando. Mal sabe ele que a central que cuida dos aparelhos auditivos infantis tem seu tempo de lazer.

Ficou na minha cabeça um monte de marmanjos controlando a vida de vários agora.

DontTellMom

Oh, eu lembro uma parte dessa ai, acho que acabava com ‘’então nem no hospício acreditaram que ele não queria matar sua família’’

xxxxxxxxxxxvi

Gosto da 499. ‘Uma freira é estuprada. Ela grita e grita, mas não se cessa. Ela sangra por seus orifícios e morre lentamente. Seu deus é uma mentira.’

FIshNchips

LOL!

ZombieJeesus

“Seu deus é uma mentira.”

Ei, me ofendi nessa! ;P

DontTellMom

Eu consegui! Nossa cópia do livro. Está empoeirada e não vê a luz do dia a anos. Mas eu achei algumas histórias que ainda lembrava.

Lembra da 699? Um pai em crise teve que escolher entre duas coisas que amava: seu filho e seu cachorro, logo escolheu o filho por não gostar de comida oriental XD

DahmerWasRight

Pobre criança 🙁 eu demorei mas finalmente achei minha cópia, eu gosto das histórias mesmo achando várias pesadas demais, não curto as com animais

Páginas: 1 2 3 4 5 6 7

J. A. de Nardo
1000 histórias

DG1993
HHAHAHAH, eu não consigo imaginar uma criancinha lendo isso, é muito intenso. Lembra daquela, lá pelas 20 e poucos que dá os detalhes exatos de um assassinato familiar?

Na #0593 – Fui criado pelo meu avô,ele sempre foi muito rígido, a única coisa que não era tão rígida era aquilo que ele colocava na minha boca.

MANO, é isso que eu to pensando??? HAHAHAA

Minhas favoritas são as mais non sense e as mais bizarras, quando você para pra pensar como alguém imaginou publicar isso.

#0143 – Ele reclamava ouvir vozes o tempo todo dizendo o que devia fazer, ele achava que algum espírito estava o manipulando. Mal sabe ele que a central que cuida dos aparelhos auditivos infantis tem seu tempo de lazer.

Ficou na minha cabeça um monte de marmanjos controlando a vida de vários agora.

DontTellMom

Oh, eu lembro uma parte dessa ai, acho que acabava com ‘’então nem no hospício acreditaram que ele não queria matar sua família’’

xxxxxxxxxxxvi

Gosto da 499. ‘Uma freira é estuprada. Ela grita e grita, mas não se cessa. Ela sangra por seus orifícios e morre lentamente. Seu deus é uma mentira.’

FIshNchips

LOL!

ZombieJeesus

“Seu deus é uma mentira.”

Ei, me ofendi nessa! ;P

DontTellMom

Eu consegui! Nossa cópia do livro. Está empoeirada e não vê a luz do dia a anos. Mas eu achei algumas histórias que ainda lembrava.

Lembra da 699? Um pai em crise teve que escolher entre duas coisas que amava: seu filho e seu cachorro, logo escolheu o filho por não gostar de comida oriental XD

DahmerWasRight

Pobre criança 🙁 eu demorei mas finalmente achei minha cópia, eu gosto das histórias mesmo achando várias pesadas demais, não curto as com animais

Páginas: 1 2 3 4 5 6 7