TERROR - Lusandro Oliveira Leite
Lusandro Oliveira Leite
Escritor, poeta e amante do gênero de terror/suspense. Nasceu na cidade de Mauriti – CE, mas desde a infância mora na cidade de Santa Inês – PB. Teve seu primeiro livro Fragmentos do Coração publicado em 2017 pela editora Autografia do Rio de Janeiro. Estudante do curso de Licenciatura em Filosofia do Centro Universitário Internacional (UNINTER) – Campus Patos. Tem um carinho especial pelos monstros, fantasmas e criaturas horripilantes. Também tem alguns textos publicados pela revista eisFluências e Revista LiteraLivre e continua escrevendo. Intitula-se amante da literatura universal. O medo é apaixonante como um imã enigmático que captura os objetos metálicos – adoro histórias que faz a pessoa gritar, tremer as mãos, parar de respirar e ficar sem dormir durante a noite.





TERROR

Vampiros, lobisomens, zumbis, fantasmas

e alienígenas, todos reunidos nessa cidade mórbida 

e fria – sangue novo e gostoso, ótimo para degustar!

Numa guerra brutal e violenta entre humanos e monstros!

Não haverá vencedores ou perdedores – apenas sangue derramado,

De preferência bebido. Carnes comidas e ossos estraçalhados! –

Morte! Morte! Morte e morte! Cabeças degoladas,                                                 cérebros expulsos dos corpos, pés partidos por facas                                          nas mãos de espíritos malignos – braços moídos

por dentes de vampiros… estômagos triturados

Pelos lobisomens e almas aprisionadas em ritos demoníacos –                        alienígenas invasores que levam as nossas criancinhas e  

matam em terra desconhecida e depois voltam mais

uma vez na mesma missão…

Vampiros, lobisomens, zumbis, fantasmas

e alienígenas, todos reunidos nessa cidade mórbida 

e fria – sangue novo e gostoso, ótimo para degustar!

Numa guerra brutal e violenta entre humanos e monstros!

Não haverá vencedores ou perdedores – apenas sangue derramado,

De preferência bebido. Carnes comidas e ossos estraçalhados! –

Morte! Morte! Morte e morte! Cabeças degoladas,                                                 cérebros expulsos dos corpos, pés partidos por facas                                          nas mãos de espíritos malignos – braços moídos

por dentes de vampiros… estômagos triturados

Pelos lobisomens e almas aprisionadas em ritos demoníacos –                        alienígenas invasores que levam as nossas criancinhas e  

matam em terra desconhecida e depois voltam mais

uma vez na mesma missão…