Maldohorror - Coletivo de escritores fantásticos e malditos.
Allan Fear
Eu sou Allan Fear, um escritor de contos, em sua maioria de terror. Desde a adolescência que gostava de escrever e desenhar, confesso que tenho um gosto um tanto excêntrico pelo horror. Vivo tendo idéias horripilantes o tempo todo. Gosto de escrever contos tanto para crianças quanto para adultos.
Eu tenho algumas obras publicadas pela editora Clube de Autores e continuo escrevendo. Recentemente dei vida a meu alter ego inumano, o Sr. Medo, que narra alguns de meus contos para um canal no You Tube.
Eu gosto muito de ler livros de mistério, HQ's, ver filmes e ouvir antigas canções de Heavy metal, mas o que me inspira mesmo a escrever é a boa e velha música clássica.
E-mail: noitesdehalloween@gmail.com
Site: https://noitesdehalloween.wixsite.com/allanfear





Projeto K9 – Parte 3

Precisava ser rápido, e diante da situação, em sua mente, a terceira vítima parecia a melhor opção, pois uma adolescente não teria força para segurar o telefone quando ele o puxasse, e como ela estava na parte de trás do veículo, seria mais ágil pegar e já se distanciar rapidamente do veículo.

Era hora de agir, o ultimo passageiro já havia embarcado no ônibus, Rodrigo deu um pique até o veículo, ouviu o ruído de ar quando o motorista fechou a porta, chegou perto e já ia dar o bote quando a menina parou de digitar e olhou para ele, com um ar interrogativo estampado no rosto branco e delicado.

Por um instante o coração de Rodrigo, que lhe esmurrava o peito, parou deixando-o sem reação, e um pavor gelado começou a subir por suas costas.

(Continua aqui: https://maldohorror.com.br/allan-fear/o-projeto-k9-parte-04/)

 

Páginas: 1 2 3

Allan Fear
Projeto K9 – Parte 3

Precisava ser rápido, e diante da situação, em sua mente, a terceira vítima parecia a melhor opção, pois uma adolescente não teria força para segurar o telefone quando ele o puxasse, e como ela estava na parte de trás do veículo, seria mais ágil pegar e já se distanciar rapidamente do veículo.

Era hora de agir, o ultimo passageiro já havia embarcado no ônibus, Rodrigo deu um pique até o veículo, ouviu o ruído de ar quando o motorista fechou a porta, chegou perto e já ia dar o bote quando a menina parou de digitar e olhou para ele, com um ar interrogativo estampado no rosto branco e delicado.

Por um instante o coração de Rodrigo, que lhe esmurrava o peito, parou deixando-o sem reação, e um pavor gelado começou a subir por suas costas.

(Continua aqui: https://maldohorror.com.br/allan-fear/o-projeto-k9-parte-04/)

 

Páginas: 1 2 3